Sentido de Vida – Viver e Evitar Danos Pessoais

Ao longo do tempo, o homem buscou encontrar um sentido para sua existência e assim, uma razão para continuá-la. Seja se essa razão fosse viver apenas pelo próprio prazer; ou de servir a um Deus religioso, ou a de criar uma família, dentre inúmeras outras.

Afinal, o que seria dar sentido à vida? Qual a necessidade de darmos sentido?

Dar sentido à vida é dar sentido a nossa existência e consequentemente, ao nosso dia a dia, como estudar, trabalhar, conviver com outras pessoas ou organizar a casa e não apenas fazer no “piloto automático”, dando assim, um propósito a tais atividades.

De acordo com Assis (2019), ter a clareza do sentido da vida faz com que dediquemos mais tempo, disposição, energia e paixão em atividades que contribuam para o alcance daquilo que definimos como nossa razão de viver, nos tornando assim, indivíduos mais felizes e realizados.

Segundo o Prof. Dr. George Barbosa, “o sentido de vida está diretamente ligado a capacidade que temos de nos tornarmos resilientes em situações de forte estresse, por meio dos nossos conjuntos de crenças, que tornam possível enfrentar os empecilhos da vida e buscar um futuro com superação”.

Sendo assim, ter conhecimento do que dá sentido à vida e do que realmente importa para cada um, facilita o fortalecimento da maturidade emocional, uma vez que, seus pensamentos e comportamentos estejam em equilíbrio.

Podemos ter mais de um propósito na vida e nem sempre ele será o mesmo. Como seres mutáveis e dinâmicos, estamos sempre em transformação e adaptação, logo, os propósitos de vida também estão sujeitos a essas mudanças.

Para você refletir e trazer clareza para o seu Sentido de Vida, responda:

🤔  | Como posso em todas as minhas atividades evitar danos pessoais?

Tudo o que eu me propor a fazer, terá o questionamento:

🤔  | Como farei essa atividade, evitando danos pessoais a mim?

Você pode encontrar mais sobre este e outros assuntos, e envolver-se com o tema da resiliência aqui em nosso blog.